quarta-feira, 15 de outubro de 2008

Maranta leuconeura E. Morren var. kerchoveana

Nomes comuns: Maranta, Maranta-pena-de-pavão, Maranta-verde

Foto de 13/10/2008:


Exemplar: Recolhido do lixo e trazido para o Jardim em em 13/10/2008.

Indicações de cultivo: É uma planta de 15 a 20 cm de altura, originária do Brasil, indicada para cultivo em interiores ou cobertura de solo em zonas abrigadas. Apresenta folhas muitos vistosas que se fecham ao anoitecer. Gosta de viver na sombra ou luz filtrada, não suportando a luz solar directa. Necessita de temperaturas acima dos 15º C, bem como de elevados graus de humidade (deve ser borrifada frequentemente com um pulverizador manual). No entanto e apesar de apreciar a humidade, esta planta necessita de um substrato com boa drenagem pois não gosta de ficar com as raízes de molho. É sensível à seca, não tolera mudanças bruscas de temperatura, correntes de ar e, muito menos, geadas. Podar uma a duas vezes por ano, de modo a manter o crescimento compacto. Reenvasar quando a planta estiver demasiado grande para o vaso. A melhor altura para fazer o transplante é em Fevereiro ou Março, antes de começar a época de crescimento. Depois de colocar a planta num novo vaso, o novo substrato não deverá ser demasiado calcado nem deverão ser feitas regas abundantes até que as raízes se tenham acomodado (o que demora alguns dias). Propaga-se por divisão.

3 comentários:

Cris Bolbosa disse...

Menina, sei que acabaste de passar lá no jardim, mas dá lá um pulinho outra vez e apanha o desafio que te deixei;)
jcas

Mar.garida disse...

Uau! Bem exigente essa menina! :)Penso que em criança a minha mae teve uma, mas tenho dúvidas se a vi mesmo lá por casa ou na casa de outras pessoas!

Dama do Lago disse...

Cris: obrigada pela lembrança :)!

Margarida: em todo o caso ficou a fazer parte das tuas memórias :)...