domingo, 17 de agosto de 2008

Erva-cidreira destruída

Em 05/06/2008 resolvi juntar todos os pés de cidreira numa floreira comprida, na esperança de que elas se espalhassem e formassem um arbusto de bom tamanho. No entanto, não tive sorte nenhuma. Passado pouco tempo a floreira foi atacada por mil e uma pragas e, em 17/08/2008 resolvi remover as pedras, cortar todas as pontas estragadas e pulverizar com veneno de compra. Odeio ter de meter veneno nas plantas mas já estou em estado de desespero. Fotos de 17/08/2008.

Assim estava a floreira:


Assim estavam as folhas, cobertas com estes bichos que eu nem suspeito o que sejam:


E assim a terra, bem como os bordos do vaso, cobertos de uma praga qualquer que, aliás, também já estragou cinco pés de arruda, a plantação de salsa e várias hortelãs:

11 comentários:

Miguel disse...

Ena pá as pragas tão a tomar o teu jardim de assalto! :S Q cena. Bem posso te dizer que aí posso ajudar se quiseres, e qdo estiver aí e combinarmos de facto alguma coisa, levo-te muita cidreira q tenho aos montes ;) deixei um vaso a crescer, e qdo xegar ja deve estar bom. Ah ja agora em relação aquela Salvia, tambem n descobri o nome cientifico dela. E não acreditei que quem fez a notícia não o tenha referido..

Dama do Lago disse...

Pois é, mas hoje acaba-se este regabofe! Fui à Cooperativa Agrícola buscar um veneno e vou começar a tratar os vasos. Obrigada pela disponibilidade duns pezinhos de cidreira, deixa-me ver se estes ainda ressuscitam... se acabarem por morrer já te cravo ;)!

clau disse...

Nossa...sou solidaria a vc nesta guerra a estas pragas por vzs desconhecidas mas, nem por isto, menos crueis com as nossas plantinhas...
Boa sorte na empreitada!
Bjs!

Dama do Lago disse...

Clau, obrigada pela força. Espero poder noticiar em breve uma vitória contra os infestantes.

ameixa seca disse...

Que horror. Parecem trincheiras... tanto bicho manhoso. Espero que isso se resolva em breve. A cidreira que "roubei" da rua está fantástica no meu canteiro. Já sequei alguma e já fiz muito cházinho :)

Jardineira aprendiz disse...

Olha, mas sabes que parte disto me parecem piolhos sugados?! Pelo menos os piolhos sugados pelos predadores (larvas de sirfídeo e outras) ficam com um aspecto semelhante. Têm mau aspecto mas estão mortos.

Agora estou um pouco à pressa, e quero ver se vou mais uns dias de férias, mas quando andar um pouquinho mais folgada de tempo procuro fotos para poderes comparar.

morfose disse...

A minha hortelã está toda ratada. Ainda não sei o que foi. :-(

Dama do Lago disse...

Ameixa: Em chazinho é uma maravilha :)! E em licor, nas saladas, no peixe, nas sopas... é uma das ervinhas mais versáteis!

Jardineira: Quem me dera que tivesses razão mas nunca encontrei nem um único predador. O meu palpite é que sejam larvas de algum bicho porque todas os vasos que têm disto estão com as plantas a morrer.

Morfose: "Ratada" soa a lagartas. Há umas verdinhas que são quase invisíveis entre a folhagem. Dá uma olhadela atenciosa à hortelã, junto à base das folhinhas e tal... és capaz de as encontrar.

Jardineira aprendiz disse...

Podes não os conseguir identificar. As larvas dos predadores, que são as fases mais vorazes, são frequentemente confundidas com pragas (vê algumas aqui: http://nathist.sdstate.edu/orchids/Pests/Aphids.htm) e também podes procurar nos links do meu Eco-jardim.

Algumas, como o Aphidoletes aphidomyza, são muito difíceis de reconhecer a olho nú (vê aqui: http://www.unipd.it/esterni/wwwentom/aphidoletes.htm). Não consigo ver muito bem na tua foto, mas apostaria que essas coisinhas brancas são cadáveres de afídeos (piolhos). Claro que antes de serem cadáveres estiveram vivos, portanto tiveram tempo de fazer muito estrago! Mas com o tempo, muitas vezes, os predadores e parasitóides conseguem controlar as pragas e as plantas recuperam.

Mas num ambiente isolado, como uma varanda, principalmente se for fechada, esse controlo pode não ser suficiente. Não gosto muito de guerras químicas, mas espero que a tua tenha resultado! :)

Music Food and Love disse...

Parabéns pelo blog, vou passar por cá mais vezes, para ver se aprendo alguma coisa de jardinar em varandas. :)
Tenho um vaso com erva-cidreira que estava linda até há uns dias aparecer toda ratada! Não encontrava nada até que a minha gata andou a cheiriscar no vaso e apanhou uma lagarta pequena e muito verde. Pragas de pulgões tive noutros vasos mas nunca na erva-cidreira, espero que tenha sobrevivido.

Dama do Lago disse...

Jardineira: a minha ideia era andar aqui calmamente a estudar as plantinhas mas estou a ver que tenho de estudar também toda esta bicharada desagradável...

Music: bem vinda ao Jardim :). Recentemete constou-me que os gatos são bons caçadores de lagartas - não sabia! Sempre pensei que as ignorassem. Por cá tenho duas gatas mas são umas verdadeiras corta-relvas, se as deixo perto das plantas fazem mais estrago do que as pragas. A cidreira cá anda, muito pequenina mas ainda está viva.