sábado, 8 de dezembro de 2007

Aptenia cordifolia (L.f.) Schwant.

Nome comum: Rosinha-de-sol

Foto de 08/12/2007:


Exemplar: Colhido com um pouco de raiz e transplantado para uma bacia de madeira.

Indicações de cultivo: É uma planta perene, rasteira e vistosa. As folhas são ovais, glabras, brilhantes, verdes-claras e suculentas. Os ramos apresentam a mesma cor das folhas. As flores são delicadas, parecidas com margaridas e podem ser brancas, cor-de-rosa ou vermelhas. Ocorre uma forma variegada com folhas de bordas brancas. A planta pode ser usada como cobertura de chão, em canteiros, maciços, bordaduras ou vasos, inclusivé em vasos supensos. É recomendada para jardins de pedras e tem a capacidade de fechar bem o solo, impedindo o crescimento de ervas daninhas. A floração ocorre durante todo ano e as flores atraem as abelhas. Deve ser cultivada sob sol directo, em solo fértil, arenoso e com boa drenagem, regando quando o tempo estiver muito seco e quente. Multiplica-se por sementes, divisão da ramagem enraizada, estaquia e mergulhia.

Uso culinário: É uma planta comestível com um sabor que se aproxima do sabor do espinafre.

Sinónimo botânico: Mesembryanthemum cordifolium

2 comentários:

penelopekyra@gmail.com disse...

Adorei tudo oque eu vi parabens,muito bom,vou te visitar sempre,um abraço,tchau.

Dama do Lago disse...

Olá Penelope, bem vinda ao Jardim, fico feliz que tenha gostado :)!