sexta-feira, 11 de julho de 2008

Aeonium arboreum recuperados

Os Aeonium já recuperaram do chilique que lhes deu no final de Maio. Também notei que mudaram de cor. Agora estão consideravelmente mais escuros. Foto de 06/07/2008:

5 comentários:

Miguel disse...

Ahh q bom q recuperaram, a ultima info q tivemos sobre eles n era feliz, mas estao optimos ;). Pois é, quanto às flores dos poejos tens razão, até pq tb eu estranhei qdo olhei para o chao pq nao conhecia a cor, so mesmo pelo cheiro. Podia de facto ser do solo, pq onde eles estavam o solo está tipo com fissuras de tão desidratado que se encontra, nunca achei que os poejos conseguissem crescer num ambiente tão hostil, uma vez q os meus outros poejos precisam imenso de água.

Dama do Lago disse...

Os meus poejos também precisam de muita água. Se me esqueço de regar o Jardim, eles ficam logo de cabeça pendurada. É que, quando as plantas vivem em vasos, reagem de forma diferente de quando vivem no chão. Acredito que,no campo, eles aguentem muito mais a falta de água.

Jardineira aprendiz disse...

Que cor linda! Talvez seja uma questão de luz, muitas vezes as plantas com cores diferentes ficam esverdeadas se têm pouca luz.

Dama do Lago disse...

Também já li algures que eles mudam de cor segundo as épocas do ano. Sinceramente ainda não pesquisei muito sobre isso - ando com o tempo curto.

Maria disse...

Eu tinha imensos há mais de 38 anos, até agora a ultima geada. Á sombra escurecem e o sol tornam-se mais claros.